Avançar para o conteúdo principal

Melhore a sua saúde - Problemas respiratórios


Lembrei-me de fazer este post porque o que não faltam por ai são crianças com problemas respiratórios graves, a tomar medicamentos cheios de cortisona. Não era assim quando eu era criança. Pelo menos não me lembro deste tipo de problemas ser tão vulgar.

Então o que é que mudou? O que é que aconteceu com o tempo que levou as nossas crianças a ficarem tão vulneráveis? Na minha opinião, muita coisa. Desde culturas com excesso de químicos para acelerar o crescimento e assim fazer face à nossa exigência alimentar cada vez maior (infelizmente mais na quantidade do que na qualidade), a própria alimentação muito deficiente (muito também por culpa da péssima oferta que existe), produtos de higiene e de limpeza com ingredientes que deveriam ser proibidos por fazerem tão mal à nossa saúde e podia continuar por aqui fora, mas prefiro parar.

Vou antes deixar-vos algumas dicas para tentarem melhorar o ambiente em que vivem e, no caso de terem crianças com maleitas respiratórias, tentar que as crises diminuam drasticamente. Cá vão:

Diminuir o uso de perfumes e maquilhagem
Os perfumes contêm demasiados químicos muito prejudiciais ao nosso sistema respiratório. Se é daquelas pessoas que não prescinde de uma boa dose todas as manhãs, então passe a diminuir a quantidade. Se consegue passar sem usar todos os dias, tanto melhor. Prefira o uso do mesmo na roupa e não no corpo ou pulverizado para o ar (tipo nuvem). Escusado será dizer que não deverá usar nas crianças e bebés. E se foi mãe à pouco tempo, elimine por completo, pelo menos nos primeiros tempos. Lembro que não usar perfume nada tem a ver com falta de higiene, obviamente. Quanto à maquilhagem, tente optar pela mineral que fará muito melhor à sua pele e diminua a quantidade de produtos que usa. Uma maquilhagem mínima vai parecer muito mais natural.

Optar por tintas naturais
Que não sendo feitas à base de petróleo, não sobrecarregam a nossa respiração com gases nocivos. Não temos sequer noção da porcaria que respiramos dentro da nossa própria casa mas a verdade é que o perigo está ao nosso redor e perigosamente disfarçado. São mais caras mas a longo prazo tiramos benefícios disso. Sinceramente, antes na tinta do que na farmácia.

Ter plantas que purifiquem o ar
Um investigador da NASA, Dr. Bill Wolverton, descobriu que certas plantas domésticas comuns são purificadoras naturais do ambiente. Para além de absorverem o dióxido de carbono e libertarem oxigênio, através do processo da fotossíntese, também removem do ambiente certos elementos prejudiciais para a saúde humana, tais como o benzeno e o formaldeído. 
Estas são as plantas que podem e devem ter em casa.

Diminuir ou eliminar carpetes
Fonte de muita poeira e ácaros, é algo que devia ser diminuído ou eliminado, principalmente se não tem tempo para as arejar ou limpar como devia.

Investir num aspirador a água
Não há muito a dizer neste ponto a não ser que são, de longe, os melhores aspiradores no caso de ter crianças com problemas respiratórios. Eu, pessoalmente, estou a colocar de parte algum dinheiro para comprar um e o Tiago, felizmente, não sequer tem tido grandes problemas. Peço a quem tem um aspirador destes em casa, que faça algum comentário acerca do mesmo, no sentido de dar feedback a quem está a pensar comprar um. Se ficou satisfeito, se vale o investimento, etc...

Arejar a casa frequentemente
Um hábito muito importante por diversas razões, nomeadamente para purificar o ar viciado que resulta da respiração humana, diminuir humidade em excesso ou maus cheiros que possam eventualmente estar presentes. 

Colocar colchões ao sol com mais frequência
No Inverno é complicado mas nas estações quentes, é algo que deve ser feito com muito mais frequência do que apenas nas alturas das limpezas mais profundas. Se tem espaço para isso (quintal ou varanda) opte por colocar o colchão ao sol. Com isto estamos a alterar as condições ideais para os ácaros se desenvolverem (pouca luz, humidade acima dos 60% e calor abaixo dos 50ºC)

Melhorar a alimentação
Para tentar reduzir os problemas respiratórios, há que fortalecer o sistema imunitário. Alimentos como o alho, frutos vermelhos, frutos cítricos, cogumelos (shitake) e frutos secos são óptimos aliados. O chá verde e de gengibre devem fazer parte das bebidas diárias.

Detergentes de roupa mais naturais e sem perfumes
Aqui poderá encontrar algumas receitas de detergentes mais naturais, que uso cá em casa. Não se esqueça que para a roupa ter perfume, significa que tem químicos impregnados, que usa em cima da pele, diariamente. Faça um esforço neste sentido. Roupa sem cheiro de perfume não significa roupa suja.

Substituir produtos de higiene e cosmética por outros mais saudáveis
Não vou bater no ceguinho, como se costuma dizer, mas deixo-vos um alerta. Nas embalagens onde lêem sem parabenos, perfumes e afins, não quer dizer que não tenham outros produtos nocivos. Pesquisem melhor e optem por outros mais naturais. Neste site podem ver os riscos que existem para a nossa saúde, nas várias marcas que existem no mercado. Se procurarem algumas conceituadas até se vão assustar.
Existem opções melhores e cheirosas na mesma. Um óleo de jojoba ou de amêndoas doces com adição de óleo essencial faz maravilhas à vossa pele. Se não gosta da sensação de oleosidade, então coloque-o assim que acaba o duche e antes de se limpar. Hidrata a pele na mesma, sem a sensação de pele gordurosa.

E é isto. Espero que ajude a melhorar a saúde das crianças e já agora, dos adultos também. 

Comentários

  1. Olá Anabela
    É a primeira vez que comento o teu blog mas já o sigo à muito muito tempo! Obrigada por este excelente trabalho de partilha!
    Hoje não resisto e comento :) sobre os problemas respiratórios, ajuda bastante eliminar ou reduzir os lacticinios e seus derivados. Experimente por uns tempos longos e veja como se sente.
    Abraço
    Olga

    ResponderEliminar
  2. He dado un vistazo a tu blog y me ha encantado, me quedo por aquí si me lo permites. Te invito a que visites los mios http://elrincondenaroa.blogspot.com/ y http://madamenaroa.blogspot.com/ saludos desde Uruguay, Sudamerica

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Panquecas (ou crepes) sem ovos

Apetecia-me tanto panquecas e não tinha ovos em casa. Que chatice! Lembrei-me então de procurar nesse mundo maravilhoso que é a internet, se havia forma de fazer as ditas cujas sem ovos. E espantem-se, havia! A receita é a que deixo já de seguida. A minha opinião? Gostei, embora a textura fique densa em vez de fofinha. Mas não me surpreendeu, já estava à espera disto. Penso é que é capaz de ficar melhor se fizerem crepes. Só a minha opinião. Fica a receita.
Panquecas sem ovos
- 1 copo ou chávena (cerca de 200ml) de farinha - 3/4 copo de leite (para crepe colocar 1 e 1/3 copo) - 2 colheres de sopa de óleo - 1 colher de chá de fermento em pó - 1/2 colher de chá de sal
Colocar os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Juntar o óleo e o leite aos poucos e mexer bem para não formar grumos. Aquecer uma frigideira anti-aderente (pode deitar um pouco de manteiga, se preferir) e colocar um pouco da massa. Quando esta ficar com furinhos, está boa para virar. Deixe ficar dourada de ambos o…

Livros "A Arte de Organizar a sua Vida" e "Adeus Coisas"

O primeiro livro "A Arte de Organizar a sua Vida", da autora de Hideko Yamashita, explica o método DAN-SHA-RI. Este método não é mais do que a união de três expressões japonesas que resumem os pontos mais importantes na arte de organizar a vida. São elas:

1. DAN, limitar a entrada do que não merece estar na nossa vida

2. SHA, eliminar tudo aquilo que não precisamos

3. RI, vivência tranquila, desapegada de coisas, com foco no “ser” e não no “ter”

O segundo livro "Adeus Coisas", do autor Fumio Sasaki relata a experiência pessoal de como passou de uma vida cheia de stress e rodeado de objectos, para um dia-a-dia simples mas mais feliz.



A minha opinião sobre os livros é que ambos são bons, valem bem a pena a compra mas se tivesse que escolher um, seria o "Adeus Coisas". Passo a explicar.

O que encontrei de diferente neste livro é que mais do que despejar teoria de como devemos livrar-nos de tralha e os benefícios disso (quando já se leu alguma coisa sobre mi…

Como conseguir refeições rápidas e saudáveis [com uma lista de ingredientes a ter sempre em casa]

Das várias ementas e preparações da semana que já publiquei, só numa delas partilhei as refeições que iria fazer nos almoços. De resto todas as ementas que lá estão, são para as refeições que fazemos ao jantar. 
Mas lá porque não falo sempre dos almoços, não quer dizer que não tenha de os fazer. E aqui tenho alguns truques para conseguir ter uma refeição minimamente saudável, em poucos minutos. 
Normalmente oriento-me pelo menu que o Tiago tem na escola, para garantir que não repito acompanhamentos e que alternamos carne e peixe. Uso também restos do jantar da noite anterior e garanto que há sempre sopa. Muitas vezes o meu almoço e do maridão é uma boa tigela de sopa, que acompanhamos com uma sandes, um wrap ou algo do género.





Deixo-vos então uma série de truques que me ajudam a acelerar a confecção das refeições (muitos já falei noutros posts) e os ingredientes que tenho sempre em casa, para garantir que despacho o almoço em pouco tempo. É claro que a lista varia de acordo com as prefer…