Avançar para o conteúdo principal

T0 do Tiago às 26 semanas

Olá a todos,

Ora, cá venho fazer a actualização do costume. A casinha do Tiago vai crescendo a olhos vistos e ele também vai mexendo a olhos vistos. Sim, porque dá gosto ver as voltas e mais voltas que ele dá! Vou ver se faço um vídeo para mostrar.


A gravidez tem corrido lindamente embora tenha engordado mais do que devia no período de 1 mês e uma semana, ou seja, tenho mais 3 kg em cima, fazendo no total 6 kg (estou a caminho das 28 semanas, 7 meses). A médica disse era um aumento demasiado grande para um espaço de tempo curto. Eu disse-lhe para ela descontar o peso das mamocas e mostrei-lhe as alças do meu soutien, comprado à cerca de 3 meses,  já todas estragadas do peso. Ela riu-se, disse que já tinha reparado e que agora restava saber se iria ter tanto leite como tinha de mamocas! Eu, sinceramente, espero que sim, porque ter um peito gigantesco e depois não haver leitinho do bom, vou ficar de rastos.

Continuando, fiquei a tomar uma data de coisas, vitaminas, ferro, magnésio e Daflon (devido aos derrames nas pernas). Tanta coisa que, às vezes, não sei a quantas ando. Também me esqueci de contar que já fiz a famosa análise da glicose. Confesso que ia um pouco ansiosa porque já tinha ouvido falar tão mal disso que não sabia se ia conseguir beber. Mas para minha surpresa aquilo é bastante fácil de beber, o meu era mais ou menos como o da imagem e sabia a laranja. Bebi de uma garrafa pequena com uma palhinha e não de um copo. Penso que o facto de ir com sede também ajudou porque preciso beber muita água de manhã e nesse dia não tinha bebido nada, resultado, devorei o frasco enquanto a técnica estava de costas. Quando ela se virou, riu-se de espantada por eu já ter bebido tudo. Ainda se riu mais quando eu lhe disse que já tinha bebido refrigerantes bem piores do que aquilo. Correu tudo bem e saí de lá bem disposta. Claro que cheguei a casa e devorei água até dizer chega porque sendo aquilo doce ainda me deu mais sede (lol).

Quanto ao Tiaguinho, descobrimos, na consulta, porque é que eu andava a sentir um peso no fundo da barriga. É que ele decidiu colocar-se de uma maneira que fica com a cabeça a carregar na minha bexiga, daí o peso que sentia de vez em quando. Viu-se mesmo bem na ecografia, coitadinha da minha bexiga, mas se o Tiago se sente mais quentinho (diz a médica que se ele está assim é porque é a posição mais confortável para ele) então tudo bem, não faz mal nenhum.

Falta só contar uma coisa giríssima que o papá do Tiago me disse ontem. É que de madrugada conseguiu sentir os pontapés dele nas costas porque eu estava com a barriga muito encostada e diz que ele se fartou de mexer. Eu devia estar a dormir que nem uma pedra porque não o senti nessa altura. Mas é só para verem como ele é mexido. E a mamã A-D-O-R-A!!!

Desejo um dia feliz a todos!

Comentários

  1. Olá Anabela,

    Tanta noticia boa!!! Fico feliz de estar tudo a correr bem. Que continuem assim ;)

    Beijocas larocas,


    PS-> O blog está muito melhor assim, mais cor, mais vida, mais alegria :D

    ResponderEliminar
  2. Isso do papá ter sentido os pontapés do Tiago nas costas é do mais ternurento que há :)
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Olá,

    Chamo-me Daniela e gostava de apresentar o meu blog, com peças feitas por mim:

    www.coisasmimeticas.blogspot.com

    Muito Obrigada!

    ResponderEliminar
  4. Desculpa estar a colocar aqui uma mensagem que não tem nada a ver com o post, mas como não tens email aqui no blog, tive de me socorrer assim.
    Fiquei muito contente por saber que também compraste a máquina :)
    Eu ontem já perdi horas à volta dela só para aprender a enfiar a linha na agulha (mas consegui). Agora não consigo é discorrer como se faz passar a linha da roleta de baixo para a parte de cima da máquina. Já estou farta de olhar para o manual, mas este não é de grande ajuda para quem nada percebe de costura e está agora a dar os primeiros passinhos de bebé. Já andei a pesquisar no youtube, mas apesar de ter visto muita coisa ainda não consegui encontrar solução para isto. Precisamos mesmo de começar a trocar informações.
    Contacta-me para o email do blog.
    Beijocas e boas costuras :)

    ResponderEliminar
  5. Olá Anabela!
    Finalmente um tempinho para vir dar um olá!!!...Obrigada pelos teus simpáticos e carinhosos comentários...Estás com uma barriguinha linda, a tua favinha cresce a olhos vistos,eheh...Quanto ao teu peso, não te preocupes demais, eu portei-me mesmo muito mal e neste momento já perdi mais de metade...E o pai que aproveite bem esses momentos com o filhote...o M. também acordava durante a noite com os pontapés do pirralhito e eu nada sentia...são momentos só deles!...Parabéns aos babados papás e desfrutem bem da vossa gravidez, passa num instantinho...
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  6. Olá amiga

    È tão bom acompanhar a tua gravidez, fico feliz por ver essa barriguinha a crescer, desejo muita sáude para vocês.
    Beijocas da Xanó

    ResponderEliminar
  7. É só ternura... és uma mamã toda babada! ;)

    Ainda bem que está tudo a correr bem com a tua gravidez Anabela.

    Bjs.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Panquecas (ou crepes) sem ovos

Apetecia-me tanto panquecas e não tinha ovos em casa. Que chatice! Lembrei-me então de procurar nesse mundo maravilhoso que é a internet, se havia forma de fazer as ditas cujas sem ovos. E espantem-se, havia! A receita é a que deixo já de seguida. A minha opinião? Gostei, embora a textura fique densa em vez de fofinha. Mas não me surpreendeu, já estava à espera disto. Penso é que é capaz de ficar melhor se fizerem crepes. Só a minha opinião. Fica a receita.
Panquecas sem ovos
- 1 copo ou chávena (cerca de 200ml) de farinha - 3/4 copo de leite (para crepe colocar 1 e 1/3 copo) - 2 colheres de sopa de óleo - 1 colher de chá de fermento em pó - 1/2 colher de chá de sal
Colocar os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Juntar o óleo e o leite aos poucos e mexer bem para não formar grumos. Aquecer uma frigideira anti-aderente (pode deitar um pouco de manteiga, se preferir) e colocar um pouco da massa. Quando esta ficar com furinhos, está boa para virar. Deixe ficar dourada de ambos o…

Como conseguir refeições rápidas e saudáveis [com uma lista de ingredientes a ter sempre em casa]

Das várias ementas e preparações da semana que já publiquei, só numa delas partilhei as refeições que iria fazer nos almoços. De resto todas as ementas que lá estão, são para as refeições que fazemos ao jantar. 
Mas lá porque não falo sempre dos almoços, não quer dizer que não tenha de os fazer. E aqui tenho alguns truques para conseguir ter uma refeição minimamente saudável, em poucos minutos. 
Normalmente oriento-me pelo menu que o Tiago tem na escola, para garantir que não repito acompanhamentos e que alternamos carne e peixe. Uso também restos do jantar da noite anterior e garanto que há sempre sopa. Muitas vezes o meu almoço e do maridão é uma boa tigela de sopa, que acompanhamos com uma sandes, um wrap ou algo do género.





Deixo-vos então uma série de truques que me ajudam a acelerar a confecção das refeições (muitos já falei noutros posts) e os ingredientes que tenho sempre em casa, para garantir que despacho o almoço em pouco tempo. É claro que a lista varia de acordo com as prefer…

Livros "A Arte de Organizar a sua Vida" e "Adeus Coisas"

O primeiro livro "A Arte de Organizar a sua Vida", da autora de Hideko Yamashita, explica o método DAN-SHA-RI. Este método não é mais do que a união de três expressões japonesas que resumem os pontos mais importantes na arte de organizar a vida. São elas:

1. DAN, limitar a entrada do que não merece estar na nossa vida

2. SHA, eliminar tudo aquilo que não precisamos

3. RI, vivência tranquila, desapegada de coisas, com foco no “ser” e não no “ter”

O segundo livro "Adeus Coisas", do autor Fumio Sasaki relata a experiência pessoal de como passou de uma vida cheia de stress e rodeado de objectos, para um dia-a-dia simples mas mais feliz.



A minha opinião sobre os livros é que ambos são bons, valem bem a pena a compra mas se tivesse que escolher um, seria o "Adeus Coisas". Passo a explicar.

O que encontrei de diferente neste livro é que mais do que despejar teoria de como devemos livrar-nos de tralha e os benefícios disso (quando já se leu alguma coisa sobre mi…