Avançar para o conteúdo principal

Amaciador de cabelo caseiro

Olá a todos.

Venho deixar aqui um post rápido sobre a receita que tenho vindo a utilizar como amaciador de cabelo.

Muito simplesmente vinagre diluído em água. O amaciador comercial tinha acabado há algum tempo e, para ser sincera, procurava outra alternativa pois o cabelo caia imenso assim que colocava estes amaciadores.

Depois de a minha mãe dizer o que usava quando era pequena e de ver tanta vez que o vinagre e o limão tinham propriedades amaciantes, decidi experimentar.

O que fiz foi colocar num frasco de spray, uma parte de vinagre e outra de água. Não sei muito bem dizer as medidas mas no frasco que utilizei de 50 ml, digamos que 10 ml foram de vinagre e os restantes 40 ml de água, porque queria bastante diluído. Também já utilizei vinagre puro, menos diluído e estou contente com qualquer das opções.

E perguntam vocês, mas não ficas com o cabelo a cheirar a vinagre? Não, nada mesmo. Enquanto o cabelo está molhado ainda cheira, embora pouco, mas assim que o seco, deixa de cheirar completamente.

O que gosto: não fico com aquela sensação excessiva de cabelo escorregadio, em que parece que o amaciador nunca sai e o cabelo não pára de cair, a oleosidade do cabelo diminuiu um pouco, a queda de cabelo nem se fala, não meto químicos no cabelo e ainda poupo bastante dinheiro.

O que não gosto: Não posso deixar o cabelo a secar por ele próprio porque só depois de secar é que o cheiro a vinagre passa.

Para a próxima hei-de experimentar limão para ver a diferença. Depois edito o post.

Desejo um excelente dia a todos.

Comentários

  1. olá Anabea!
    Obrigada pela dica... será resultará no meu cabelo tenho madeixas e o cabelo bastante seco é péssimo de pentear no fim do banho. Tenho que por "Kgs" de amaciador para conseguir pentear, por acaso não tens nehuma sugestão que me possa ajudar?

    ResponderEliminar
  2. Olá Catarina,

    Pois, se tens um cabelo muito seco, não é muito aconselhável usares vinagre ou limão pois vão diminuir a oleosidade do mesmo, tal como referi no post.

    Dou-te alguns conselhos, pois por ser cabelo pintado piora ainda mais a situação.

    Podes, por exemplo, tentar pentear o cabelo antes de tomar banho. Pode parecer parvo mas eu faço isso muitas vezes e ajuda a reduzir a quantidade de amaciador usado (agora nem uso, como referi) e ajuda ainda mais a pentear o cabelo depois de lavado.

    Outra coisa é aplicar uma receita caseira para ires tendo resultados a longo prazo.

    A receita é misturar 2 colheres de maionese com meia colher de mel. Misturar bem estes dois ingredientes e colocar a mistura nos cabelos, deixando-a actuar durante cerca de 10 a 15 minutos. Se puderes senta-te num local ao sol ou utiliza o secador, pois este vai aquecer a mistura e esta resultará melhor. Depois é só lavar normalmente com champô e amaciador. Se conseguires fazer isto 1 vez por semana, já é bastante bom. Penso que irás ver diferenças. Eu gosto muito quando faço aquela que já coloquei da pêra abacate e sinto o cabelo muito, mas mesmo muito melhor.

    Outra coisa que poderás fazer, se puderes claro, é tentar mudar de champô e amaciador, pois estes só têm é químicos para conservar, entre eles, parabenos, que de bom não tem mesmo nada. Digamos que apenas 10% dos ingredientes é que fazem bem e normalmente vêm no fim dos ingredientes, ou seja, são os que vêm em menor percentagem, por isso... mais valem as máscaras caseiras, são baratas e muito saudáveis.

    Espero ter ajudado.

    Bjs,
    Anabela

    ResponderEliminar
  3. Obridada Anabela
    Vou seguir os teus conselhos...
    Beijinhos
    Catarina Correia

    ResponderEliminar
  4. Viva Anabela

    Acabei de ler um post interessantíssimo acerca de como não lavar o cabelo com champô aqui http://babyslime.livejournal.com/174054.html

    Não sabia onde o havia de colocar... coloquei-o mesmo aqui. Está em inglês. É ultra-económico!

    Beijinhos

    Maria.

    ResponderEliminar
  5. Eu há já algum tempo que só utilizo vinagre diluido em água como amaciador, adoro o resultado. Amacia imenso, deixa o cabelo leve e muito brilhante.

    ResponderEliminar
  6. Excelente ideia! já há algumas semanas que deixei de usar amaciador e concordo que o meu cabelo não ficou pior, pelo contrário. Ele dá-me pelos ombros e embora custe um pouco mais a pentear logo depois da lavagem do que quando usava amaciador, consigo penteá-lo e fica macio na mesma. Vou tentar passá-lo de vez em quando com a solução de vinagre a ver se lhe faz bem, tanto que ele é um pouco oleoso. Quem me dera que as minhas filhas aderissem à ideia, são 3 com cabelões enormes e que lavam diariamente... bjs. Ana

    ResponderEliminar
  7. Olá! eu vou experimentar esta dica, eu tenho o cabelo muito oleoso e não posso utilizar amaciado sempre que lavo o cabelo porque se não o cabelo não aguenta um dia sem lavar.
    Só tenho uma dúvida esta mistura aplica-se no banho a seguir ao shampoo e passa-se por água ou é no fim do banho quando se penteia sem enxaguar?

    Aproveito para dizer que adoro o blog e estas ideias de fazermos os nosso próprios produtos :) quero ver se faço o balsamo para os lábios mas não encontro o material aqui na minha zona :S

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Olá! eu vou experimentar esta dica, eu tenho o cabelo muito oleoso e não posso utilizar amaciado sempre que lavo o cabelo porque se não o cabelo não aguenta um dia sem lavar.
    Só tenho uma dúvida esta mistura aplica-se no banho a seguir ao shampoo e passa-se por água ou é no fim do banho quando se penteia sem enxaguar?

    Aproveito para dizer que adoro o blog e estas ideias de fazermos os nosso próprios produtos :) quero ver se faço o balsamo para os lábios mas não encontro o material aqui na minha zona :S

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Olá Anabela, tenho a dizer que adoro o blog! adoro a ideia de fazer-mos os nosso próprios produtos para a nossa vida quotidiana.
    Eu vou experimentar esta dica para amaciar o cabelo, eu tenho o cabelo muito oleoso e não posso utilizar amaciador sempre que lavo o cabelo porque se não o cabelo não aguenta um dia sem ser lavado. A minha dúvida é se esta mistura se aplica no banho depois do shampoo e passamos por água ou depois do banho quando penteamos e não se enxagua?

    Beijinhos e continua com este blog maravilhoso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Catarina, a mistura uso depois do champô e passamos por água depois. Se não for assim ficas com cheiro a vinagre no cabelo e não é muito agradável.

      Bjs

      Eliminar
  10. Olá, eu também tenho reparado que quando uso amaciadores o cabelo cai bastante!! Vou mesmo deixar de usar, até porque a falta de cabelo já foi um problema que eu não sabia de onde vinha (deve ser mesmo dos químicos) e que resolvi desta maneira, anotem e divulguem a receita:

    RECEITA NATURAL contra a queda de cabelo (estimula o crescimento)

    Tomilho* – folhas secas (chá)
    § Ferver 4/6 colheres de sopa por meio litro de água, durante 20 minutos
    § Coar/filtrar
    § Aplicar morno no couro cabeludo com ligeira massagem**
    § Enrolar a cabeça numa toalha para manter o calor (até esfriar)
    § Repetir durante 15 dias, 1 ou 2 vezes por dia

    Resultou comigo. Experimentem!

    Visto em Segredos e Virtudes das Plantas Medicinais,
    Lisboa, Ed. Selecções do Reader’s Digest, 1984, bem como outros livros.

    * em qualquer ervanária
    ** pode juntar um pouco de vinagre para amaciar o cabelo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá.

      Obrigada, muito obrigada pela receita. Hei-de fazer um post porque merece ter destaque. Tem algum blog ou pelo menos um nome para poder agradecer?

      Cumprimentos

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Panquecas (ou crepes) sem ovos

Apetecia-me tanto panquecas e não tinha ovos em casa. Que chatice! Lembrei-me então de procurar nesse mundo maravilhoso que é a internet, se havia forma de fazer as ditas cujas sem ovos. E espantem-se, havia! A receita é a que deixo já de seguida. A minha opinião? Gostei, embora a textura fique densa em vez de fofinha. Mas não me surpreendeu, já estava à espera disto. Penso é que é capaz de ficar melhor se fizerem crepes. Só a minha opinião. Fica a receita.
Panquecas sem ovos
- 1 copo ou chávena (cerca de 200ml) de farinha - 3/4 copo de leite (para crepe colocar 1 e 1/3 copo) - 2 colheres de sopa de óleo - 1 colher de chá de fermento em pó - 1/2 colher de chá de sal
Colocar os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Juntar o óleo e o leite aos poucos e mexer bem para não formar grumos. Aquecer uma frigideira anti-aderente (pode deitar um pouco de manteiga, se preferir) e colocar um pouco da massa. Quando esta ficar com furinhos, está boa para virar. Deixe ficar dourada de ambos o…

Livros "A Arte de Organizar a sua Vida" e "Adeus Coisas"

O primeiro livro "A Arte de Organizar a sua Vida", da autora de Hideko Yamashita, explica o método DAN-SHA-RI. Este método não é mais do que a união de três expressões japonesas que resumem os pontos mais importantes na arte de organizar a vida. São elas:

1. DAN, limitar a entrada do que não merece estar na nossa vida

2. SHA, eliminar tudo aquilo que não precisamos

3. RI, vivência tranquila, desapegada de coisas, com foco no “ser” e não no “ter”

O segundo livro "Adeus Coisas", do autor Fumio Sasaki relata a experiência pessoal de como passou de uma vida cheia de stress e rodeado de objectos, para um dia-a-dia simples mas mais feliz.



A minha opinião sobre os livros é que ambos são bons, valem bem a pena a compra mas se tivesse que escolher um, seria o "Adeus Coisas". Passo a explicar.

O que encontrei de diferente neste livro é que mais do que despejar teoria de como devemos livrar-nos de tralha e os benefícios disso (quando já se leu alguma coisa sobre mi…

Como conseguir refeições rápidas e saudáveis [com uma lista de ingredientes a ter sempre em casa]

Das várias ementas e preparações da semana que já publiquei, só numa delas partilhei as refeições que iria fazer nos almoços. De resto todas as ementas que lá estão, são para as refeições que fazemos ao jantar. 
Mas lá porque não falo sempre dos almoços, não quer dizer que não tenha de os fazer. E aqui tenho alguns truques para conseguir ter uma refeição minimamente saudável, em poucos minutos. 
Normalmente oriento-me pelo menu que o Tiago tem na escola, para garantir que não repito acompanhamentos e que alternamos carne e peixe. Uso também restos do jantar da noite anterior e garanto que há sempre sopa. Muitas vezes o meu almoço e do maridão é uma boa tigela de sopa, que acompanhamos com uma sandes, um wrap ou algo do género.





Deixo-vos então uma série de truques que me ajudam a acelerar a confecção das refeições (muitos já falei noutros posts) e os ingredientes que tenho sempre em casa, para garantir que despacho o almoço em pouco tempo. É claro que a lista varia de acordo com as prefer…