Avançar para o conteúdo principal

Livro "The money smart family system" - America's Cheapest Family [GIVEAWAY]

Já há imenso tempo que não publicava a review de um livro. Não é que não tenha lido, que ultimamente até o tenho feito bastante, ando é atrasada aqui com as publicações. 

O livro que trago hoje é de uma família americana da qual já falei neste post. Tinha lido (e relido) os seus livros anteriores e apesar de nunca ter feito nenhuma review sobre eles (que vergonha...) são dos livros que mais recomendo, no que se refere a poupança. Ajudaram-me imenso a reduzir as despesas cá de casa. Poderão adquiri-los no Ebay a um preço muito jeitoso. O primeiro fala de poupança no geral e de como conseguem reduzir despesas (e dívidas) e aumentar as poupanças, para que possam ter uma vida mais tranquila. Contam não só a sua história pessoal como de tantas outras famílias que ajudaram.

O segundo é mais direccionado para a alimentação, onde podemos fazer grandes poupanças. Já li este livro (ou partes dele) algumas três vezes. Tem imensas informações sobre como cozinhar em bulk, aproveitar as melhores promoções e como congelar os mais diversos alimentos (dizem que um dos melhores investimentos que fizeram foi a arca congeladora que compraram). 

Poderão pensar que as dicas do livro só se adaptam à realidade americana e eu confesso que, na altura que comprei o primeiro livro, estava com receio disso. Mas não. A maioria das dicas e truques são gerais e perfeitamente aplicáveis à realidade portuguesa. 

Quando o terceiro livro ficou em pré-venda, comprei-o de imediato. Tinha um feeling que ia gostar muito dele. Não me desiludiu. Curiosamente, enquanto lia este, li outro dentro do mesmo tema, que comprei por acaso. Apesar de ambos falarem de como ensinar os nossos filhos a gerirem o seu dinheiro e a fazerem as melhores escolhas, as perspectivas eram tão diferentes. 

No livro do Steve e da Annette, a base de todos os ensinamentos que eles partilham é a transmissão de valores e é isso que na realidade me faz gostar tanto do que eles escrevem. Quase que existe uma moral nas várias histórias que relatam, até na parte mais técnica, em que explicam o método de gestão das despesas e poupanças que aplicam aos filhos. Já no outro livro, que nem vos vou dizer qual é, além de ser do género "vira o disco e toca o mesmo", é demasiado teórico e não tem grandes dicas para tentarmos implementar.

Só para terem uma ideia, o autor deste último livro é apologista do uso de semanadas ou mesadas e a família Economides tem uma opinião totalmente oposta e até explicam porque razão não funcionam (que para mim faz todo o sentido).

Então, para não tornar este post longo e cansativo, deixo-vos apenas com o que de melhor poderão encontrar no livro "The Money Smart Family System".

  • perceber a regra 5/50/500 (muito intessante!!!)
  • técnicas para facilitar as rotinas matinais (e sair de casa a horas, sem stress)
  • técnicas para acabar com os pedidos de roupa de marca (mais para adolescentes e jovens)
  • ensinar as crianças a serem gratas e generosas
  • ensinar as crianças a ajudarem nas tarefas domésticas, como parte de uma equipa de trabalho
  • preparar os filhos para o primeiro emprego
  • ensiná-los a poupar para futuramente pagarem as suas próprias despesas 
  • estratégias para uma educação/formação livre de dívidas
  • estratégias para quando os filhos pedem dinheiro emprestado (que tantas vezes é "emprestadado")
  • como verdadeiramente ajudar os filhos adultos que retornam a casa dos pais.
No meio disto tudo, ensinam também como ajudam os filhos a organizar o dinheiro que recebem e a pouparem para determinados objectivos, sejam objectos, formação, experiências ou viagens. Uma leitura muito interessante, garanto-vos.

E agora a parte melhor, tenho um exemplar deste livro para oferecer a um de vocês. Para poderem participar, basta irem a esta foto da minha conta Instagram e comentar de acordo com as regras =>> PARTICIPAR NO GIVEAWAY

Boa sorte!

Nota: compro a maioria dos meus livros no Ebay ou na Amazon, por terem preços muito simpáticos nos livros em segunda mão, que estão impecáveis. Por vezes, só o facto de optarem pelo livro com capa mole já faz uma grande diferença no preço. Vale a pena.

*este post contém links afiliados

Comentários

  1. Será escusado perguntar se estes livros existem em português... :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Assunção. Penso que não, pelo menos não vejo nada disponível na wook, por exemplo. Bjs

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Panquecas (ou crepes) sem ovos

Apetecia-me tanto panquecas e não tinha ovos em casa. Que chatice! Lembrei-me então de procurar nesse mundo maravilhoso que é a internet, se havia forma de fazer as ditas cujas sem ovos. E espantem-se, havia! A receita é a que deixo já de seguida. A minha opinião? Gostei, embora a textura fique densa em vez de fofinha. Mas não me surpreendeu, já estava à espera disto. Penso é que é capaz de ficar melhor se fizerem crepes. Só a minha opinião. Fica a receita.
Panquecas sem ovos
- 1 copo ou chávena (cerca de 200ml) de farinha - 3/4 copo de leite (para crepe colocar 1 e 1/3 copo) - 2 colheres de sopa de óleo - 1 colher de chá de fermento em pó - 1/2 colher de chá de sal
Colocar os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Juntar o óleo e o leite aos poucos e mexer bem para não formar grumos. Aquecer uma frigideira anti-aderente (pode deitar um pouco de manteiga, se preferir) e colocar um pouco da massa. Quando esta ficar com furinhos, está boa para virar. Deixe ficar dourada de ambos o…

Organização do móvel da cozinha - antes e depois

Organização é um tema que gosto bastante de falar aqui no blog. Não faço tantos posts quanto gostaria mas isso não quer dizer que não vá fazendo pequenas organizações aqui e acolá. Gosto de ler tudo o que está relacionado porque os benefícios que me tem trazido são imensos. São eles:
- Redução de stress  e ansiedade; - Menos acumulação de tralha se existir um lugar para cada coisa; - Maior produtividade (porque não perdemos tempo a procurar coisas); - Maior rapidez nas limpezas; - Mais descanso ou momentos de lazer;
Mas com isto não quero dizer que a organização se faz num abrir e fechar de olhos. Leva tempo, garanto-vos. Primeiro porque não se consegue fazer tudo de uma vez (para ser bem feito, há que pensar bem no que se pretende) e, segundo, porque a organização escolhida pode não resultar. É mesmo na tentativa-erro. 
Cá em casa há ainda muito que fazer mas com calma e um bocadinho de cada vez, conseguimos uma maior fluidez no dia-a-dia.
Um dos cantinhos que há muito "gritava…

O que ando a comer ao pequeno-almoço

Ontem foi um dia complicado. Não que tenha acontecido alguma coisa de mal mas sim porque andei a correr, literalmente. Tive a consulta de rotina do Tiago, dos três anos. Esperei cerca de 30 minutos (depois da hora) e estive quase uma hora lá dentro. Ele está óptimo e recomenda-se. Apenas pequenas alterações na parte da sesta, a ver se as noites ficam melhores. Mas isto é tema para outro post. 
Ora, andei a correr porque quase não chegava a tempo da explicação das 16h, ainda por cima com uma nova aluna. Que stress, só vos digo. Tiago não dormiu sesta devido à hora da consulta e às 18h já ninguém o podia aturar. Deitar cedo era mais que imperativo. 
Foi um dia de correria mas que começou muito bem com um pequeno-almoço que tenho repetido todos os dias nas últimas duas semanas. E calculo que vos vá parecer bem esquisito mas eu adoro a mistura do pão, o queijo-creme e o tomate. Salpicado com coentros fica uma maravilha. Bem sei que isto não agrada à maioria e se calhar alguns até farão c…