Das flores artificiais

março 03, 2015 Anabela (Aproveitar a Vida) 0 Comentários

Nunca gostei muito de flores artificiais, por mais qualidade que tenham. Sei sempre que ali não se respira vida. Mas também sei que ter flores frescas implica algo que é temporário e que a dada altura significa também limpar e gastar algum dinheiro para as renovar. Como não posso, nem consigo ter flores frescas em todas as jarras cá de casa, acabo por me render às artificiais. E aqui é que temos um problema. É-me difícil conjugar um arranjo de que goste, não só pelo facto de não gostar da maioria das flores artificiais mas também pela falta de talento mesmo. Mas este que tenho no meu quarto é excepção. Talvez por ser campestre e me lembrar a minha estação do ano favorita [Primavera], adoro olhar para ele. 

E por aí, também usam muitas flores artificiais ou apenas naturais?

Saiba mais sobre o meu dia-a-dia
FACEBOOK | PINTEREST | INSTAGRAM

Poderá também gostar destes artigos

0 comentarios: