Avançar para o conteúdo principal

A cómoda do nosso quarto - Antes e depois e dicas importantes nas pinturas

a_cómoda_do_nosso_quarto_antes_e_depois_com_dicas
Cá está a cómoda do nosso quarto, finalmente pintada de branco.
Este é daqueles projectos em que estive muito indecisa se havia de fazer ou não. E a razão desta minha indecisão prende-se apenas com a minha (in)capacidade de conseguir que o produto final fique com um bom acabamento. Fruto de impaciência, pouco tempo livre e, claro, da ignorância no que toca a remodelações.
Felizmente não foi o que aconteceu neste projecto e posso dizer que por ter seguido à risca cinco dicas essenciais, o resultado final ficou maravilhoso, como podem comprovar pelas fotos.
Cómoda_antes_e_depois_e_dicas_importantes_nas_pinturas
Cómoda_antes_e_depois_e_dicas_importantes_nas_pinturas
 Cómoda_antes_e_depois_e_dicas_importantes_nas_pinturas

A cómoda era esta e para ficar assim precisou levar quatro demãos.
Cómoda_antes_e_depois_e_dicas_importantes_nas_pinturas

Para ficar assim impecável, as dicas que segui e seguirei sempre são estas:

a) Lixar o móvel;
b) Usar primário (apesar de tóxico, é importante para o resultado final porque fixa a tinta);
c) Usar rolo sempre que possível (evita as marcas dos pincéis);
d) Lixar suavemente entre demãos;
e) Deixar secar bem entre demãos.

Apesar de dar trabalho, não digo que não, se seguirem estes passos sempre que pintarem algo, verão que compensará no resultado final. 

E eu estou desejosa de passar ao próximo projecto.
assinatura

Comentários

  1. Muito perfeitinho. Ficou linda. parabéns pois valeu o trabalho.
    beijocas

    ResponderEliminar
  2. Bem Anabela, parabéns, excelente trabalho!!
    Bjs e boa semana,
    MJ

    ResponderEliminar
  3. Tenho uma igual mas em cerejeira, e desde novembro ando com vontade de a pintar de branco bem como as mesas de cabeceira que são iguais, mas tinha medo, agora vi a tua e talvez pense a sério.
    A tinta da pintura foi tinta a água?
    Está aprovadissimo o resultado final.
    Pinta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pinta com calma e segue estes passos para ficar um acabamento bonito. Às vezes olho para certos objectos (e são apenas coisas pequenas) que pintei noutros tempos e aquilo está uma aberração. Acho que ainda vou dar muito uso à lixadora eléctrica.

      Bjs

      Eliminar
  4. Olá Anabela,
    Quando vi a 1ª foto, julguei que tinhas passado da cómoda em branco para qualquer outra criatividade (porque existe essa cómoda em branco, ou é confusão minha?): O trabalho ficou excelente. Eu também sofro do mesmo mal que tu, por vezes não tenho paciência, e toca a saltar etapas! por isso é que não me aventuro a remodelar coisas grandes, só moveis mais pequenos. Parabéns! bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Existe sim senhora, mas eu na altura ainda andava com as ideias decorativas baralhadas e tive pena de não ter optado pelo branco. De qualquer forma esta e outra que tenho foram compradas na secção de oportunidades. Praticamente sem defeitos e eram as duas quase pelo preço de uma só.

      Agora olha, é pintar, pintar, pintar...

      Beijocas

      Eliminar
  5. Olá Anabela,
    Quando vi a 1ª foto, julguei que tinhas passado da cómoda em branco para qualquer outra criatividade (porque existe essa cómoda em branco, ou é confusão minha?). O trabalho ficou excelente. Eu também sofro do mesmo mal que tu, por vezes não tenho paciência, e toca a saltar etapas! por isso é que não me aventuro a remodelar coisas grandes, só moveis mais pequenos. Parabéns! bj

    ResponderEliminar
  6. Bom dia Anabela,
    A comoda ficou perfeita. Tenho uma no meu quarto beje, mas está horrível com manchas escuras de humidade. Estou tentada a pinta-la. Que tinta usou e qual o primário?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Andreia. Desculpe o tempo que demorei a responder mas quando publiquei o comentário não consegui responder logo e depois não apontei para me lembrar e foi ficando esquecido. Ora bem, eu comprei tintas da Luxens, no Leroy Merlin. Pedi ajuda na altura porque a tinta e de esmalte e o primário tem de ser o adequado. O que aconselhava era a que se dirigi-se a uma loja de tintas ou até o Leroy Merlin e questionasse de acordo com o que precisa. O móvel já tendo sinais de humidade pode precisar de outro produto, senão acaba por ter trabalho para depois ficar com manchas na mesma. Espero ter ajudado.

      Bjs

      Eliminar
  7. Tenho uma no meu quarto bem parecida! Estou tentada a fazer-lhe o mesmo! Aiii vou ponderar seriamente no assunto, obrigada pelas dicas! :)

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se gostas de branco, então faz porque a diferença é muito grande.

      Bjs

      Eliminar
  8. Eu ando tentada a pintar uns móveis bem antigos que eram da minha avó... a ver vamos o que sai dali! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Recomendo que siga as dicas que escrevi neste post, principalmente lixar entre demãos. Faz com que a tinta agarre melhor e não saia tão facilmente com o tempo. Mais vale perder tempo agora para garante a durabilidade da pintura. Bjs e boas pinturas

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Panquecas (ou crepes) sem ovos

Apetecia-me tanto panquecas e não tinha ovos em casa. Que chatice! Lembrei-me então de procurar nesse mundo maravilhoso que é a internet, se havia forma de fazer as ditas cujas sem ovos. E espantem-se, havia! A receita é a que deixo já de seguida. A minha opinião? Gostei, embora a textura fique densa em vez de fofinha. Mas não me surpreendeu, já estava à espera disto. Penso é que é capaz de ficar melhor se fizerem crepes. Só a minha opinião. Fica a receita.
Panquecas sem ovos
- 1 copo ou chávena (cerca de 200ml) de farinha - 3/4 copo de leite (para crepe colocar 1 e 1/3 copo) - 2 colheres de sopa de óleo - 1 colher de chá de fermento em pó - 1/2 colher de chá de sal
Colocar os ingredientes secos numa taça e misturar bem. Juntar o óleo e o leite aos poucos e mexer bem para não formar grumos. Aquecer uma frigideira anti-aderente (pode deitar um pouco de manteiga, se preferir) e colocar um pouco da massa. Quando esta ficar com furinhos, está boa para virar. Deixe ficar dourada de ambos o…

Organização do móvel da cozinha - antes e depois

Organização é um tema que gosto bastante de falar aqui no blog. Não faço tantos posts quanto gostaria mas isso não quer dizer que não vá fazendo pequenas organizações aqui e acolá. Gosto de ler tudo o que está relacionado porque os benefícios que me tem trazido são imensos. São eles:
- Redução de stress  e ansiedade; - Menos acumulação de tralha se existir um lugar para cada coisa; - Maior produtividade (porque não perdemos tempo a procurar coisas); - Maior rapidez nas limpezas; - Mais descanso ou momentos de lazer;
Mas com isto não quero dizer que a organização se faz num abrir e fechar de olhos. Leva tempo, garanto-vos. Primeiro porque não se consegue fazer tudo de uma vez (para ser bem feito, há que pensar bem no que se pretende) e, segundo, porque a organização escolhida pode não resultar. É mesmo na tentativa-erro. 
Cá em casa há ainda muito que fazer mas com calma e um bocadinho de cada vez, conseguimos uma maior fluidez no dia-a-dia.
Um dos cantinhos que há muito "gritava…

O que ando a comer ao pequeno-almoço

Ontem foi um dia complicado. Não que tenha acontecido alguma coisa de mal mas sim porque andei a correr, literalmente. Tive a consulta de rotina do Tiago, dos três anos. Esperei cerca de 30 minutos (depois da hora) e estive quase uma hora lá dentro. Ele está óptimo e recomenda-se. Apenas pequenas alterações na parte da sesta, a ver se as noites ficam melhores. Mas isto é tema para outro post. 
Ora, andei a correr porque quase não chegava a tempo da explicação das 16h, ainda por cima com uma nova aluna. Que stress, só vos digo. Tiago não dormiu sesta devido à hora da consulta e às 18h já ninguém o podia aturar. Deitar cedo era mais que imperativo. 
Foi um dia de correria mas que começou muito bem com um pequeno-almoço que tenho repetido todos os dias nas últimas duas semanas. E calculo que vos vá parecer bem esquisito mas eu adoro a mistura do pão, o queijo-creme e o tomate. Salpicado com coentros fica uma maravilha. Bem sei que isto não agrada à maioria e se calhar alguns até farão c…