Planos (ou mais desejos) para 2014

By Anabela (Aproveitar a Vida) - janeiro 05, 2014

 
Pensei muito se haveria ou não de fazer este post. Por um lado sei que fazer planos é bom, motiva-nos a alcançar aquilo que queremos (e que nem sempre passa por algo material), por outro lado causa-nos grande pressão para atingir aquela lista infindável de coisas a que nos propomos fazer. E depois quando não conseguimos fazer tudo (porque há que dizer que muitas vezes os objectivos são irreais) lá vem aquele sentimento de frustração. E eu não quero isso para mim. Quero (preciso) de equilíbrio na minha vida. Para que serve uma data de coisas a atingir se, no fim, não sentimos que vivemos com tranquilidade, com serenidade? Pior, se sentimos que mesmo quando riscamos aquele objectivo, que o que alcançámos não nos tornou mais felizes?

Não é, de todo, isto que pretendo da minha vida. Por isso os planos deste ano e de todos os outros que vêm em seguida, serão mais desejos. Desejos esses que já estão escritos na minha agenda há bastante tempo e que posso ler e reler as vezes que entender. E não preciso de riscar cada um deles, basta sorrir cada vez que os vou ler, mais ainda se eles já fizerem parte da minha vida.
assinatura

  • Share:

You Might Also Like

3 comentarios

  1. Anabela a isso chama se sabedoria :)
    Nada mais do que olhar á volta e ser se grato pelo que temos e é tanto .
    Sei muito o que sentes ,sabes que já tive 2 depressões e equilíbrio é fundamental para a minha vida .Por isto e por outras coisas o caminho é para frente sem pressões .
    A felicidade estão nos momentos e há que estar desperto e presente para abraça los .
    Desejo então um BOM ANO com muito EQUILIBRIO e ALEGRIA .
    bj com carinho
    Lulu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sabia que tinhas tido duas depressões. Então sabes bem do que falo. Também te desejo a ti o mesmo.

      Bjs

      P.S.: ai, se estivéssemos mais próximas...

      Eliminar
    2. Longe da vista e perto do coração ;)
      bjs
      Lulu

      Eliminar