A minha cirurgia às varizes - a quem interessar

novembro 07, 2013 Anabela (Aproveitar a Vida) 31 Comentários

Então vamos lá falar sobre este assunto. Assim esclareço uma leitora que colocou algumas questões e outras pessoas que possam estar com algum receio em fazer esta cirurgia.

Aconselho desde já duas coisas, a primeira é a não deixarem avançar muito a situação porque depois podem ter que levar mais cortes e pontos (o meu caso) e a segunda é a fazerem no público porque é onde estão os melhores médicos (a minha mãe teve uma má experiência com o privado). 

Infelizmente o meu problema vem de família ou, espantem-se, de uma cirurgia que fiz aos cinco meses de idade (hei-de saber melhor disto na próxima consulta). A minha mãe tem um longo historial que actualmente incluem dores, inchaços e meias de descanso o ano todo (sim, mesmo no pico do Verão). Neste momento já não tem mais nada para remendar e está assim. É a qualidade de vida que tem aos 58 anos. 

No meu caso a história é outra. Nunca tive dores, inchaços nem vê-los (nem mesmo na gravidez) e meias de descanso mexiam-me com os nervos de tanta comichão que me faziam (cheguei a usar um dia, na gravidez). A única coisa era mesmo a parte estética porque a variz da perna não era nada comparada com a que tinha na coxa. E desde que engravidei do Tiago, tudo piorou, a um ritmo alarmante.

Foi precisamente esta alteração que me levou a iniciar o processo. Não tanto pela parte estética, embora tenha que dizer que também deu o seu empurrão, mas pela parte da saúde. Preferi que fosse já para evitar complicações. 

Lá fui a uma consulta com a médica de família que me referenciou para o hospital da minha área de residência. Fiquei a torcer para me calhar o Dr.º Carlos Martins, um dos médicos pelos quais a minha mãe passou e que todos adorámos (foi apenas ele que lhe conseguiu resolver um problema complicado nos intestinos e que a incentivou a ser operada para melhorar o problema das varizes). Não me calhou ele mas sim a Dr.ª Raquel Abreu, igualmente excelente mas que não foi a que me operou. Confusos? É normal, o nosso sistema de saúde funciona assim ou, pelo menos, o hospital onde vou. O médico que nos vê a primeira vez raramente é o que nos opera e depois passamos para o que nos operou e se precisamos de segunda operação volta o mesmo festival. À conta disto a minha mãe já conheceu cerca de quatro médicos diferentes.

Ah, falta dizer que o exame que é necessário (não contando com os normais para uma operação) é um doppler, que não é mais do que uma ecografia às pernas.

Vamos então ao que interessa, a cirurgia. É relativamente rápida (não devo ter estado mais do que 45 minutos lá dentro, incluindo suturar e ligar a perna) e indolor, claro. Levei epidural, sempre preferível ao uma anestesia geral, cujo pós-operatório é mais difícil. Para quem nunca levou, não é nada de complicado, apenas sentem uma picada e depois as pernas começam logo a ficar dormentes. Há quem possa pensar se entrará em pânico por não conseguir sentir as pernas. Sinceramente o que aconselho é a não estar constantemente a tentar fazê-lo e deixar a coisa fluir. É que isto depende de pessoa para pessoa. No meu caso é mesmo muito rápido, ao fim de quase duas horas já eu começava a mexê-las embora não as sentisse totalmente. A minha mãe demora entre 3 a 4 horas para o mesmo tipo de cirurgia. Como vêem, depende de cada um. Mas não é coisa com que se devam preocupar, principalmente se vos derem sedativos como foi o meu caso.  

Em relação ao sedativos, só vos digo isto, se não forem pessoas nervosas, peçam mesmo para não darem porque é uma verdadeira porcaria. Fiquei cheia de comichões e tive um levantar péssimo com quebras de tensão umas atrás das outras. O suor escorria-me pelo cara e barriga abaixo e não me podia encostar que adormecia de imediato. Cheguei a vomitar duas vezes. Era para sair de manhã e só o consegui fazer à hora do lanche. Que treta, a sério. E não me venham dizer que foi da epidural que já levei uma antes e não me aconteceu nada disto.

Os pontos não custam nada. Se tiverem sorte, os cortes são apenas na virilha e no final da perna. Não levam mais do que 4 a 5 pontos. A perna vai depois ficando muito negra e é normalíssimo (a minha só ficou ao segundo dia). É nesta fase que depois poderão sentir mais dor, perfeitamente suportável mas que podem eliminar com um simples Ben-U-ron. Anti-inflamatório e anticoagulante serão receitados e é para fazer certinho. Poderão também fazer gelo nas zonas mais doridas. Esta parte não me foi dita a mim mas sim à minha mãe numa das cirurgias dela. 

Os pontos tiram-se ao fim de 12 dias e a consulta é feita na mesma altura. Depois é esperar para que todas as nódoas negras passem. Daquilo que vejo posso dizer que as varizes da perna (a da foto que mostro) desapareceram. Nunca tinha visto a minha perna tão bonita. A da coxa também já se foi. Agora é cuidar da pele e hidratá-la bem para que as cicatrizes fiquem o menos visíveis possível. Já andei a pesquisar os melhores óleos e caso resulte, virei aqui partilhar.

O descanso deve ser respeitado porque acelera o tempo de recuperação. São 15 dias de repouso, embora não absoluto. Usa-se meia de descanso sempre, dia e noite, pelos menos nessas duas semanas. A do hospital é bem mais fácil de usar do que as comerciais. Tenho usado a minha dia e noite e confesso que me alivia imenso. No hospital fui referenciada para a especialidade de cirurgia e no privado procuram angiologia e cirurgia vascular

Quanto ao preço, não sei de nada ainda. Assim que receber a conta, digo alguma coisa. No privado calculo que seja caro mas para quem tem seguro, a conta suaviza drasticamente.

E é isto. Acho que não me esqueci de nada. Desculpem o post longo mas não me apetecia cortar isto a meio. Assim, a quem interessar, lê tudo de uma só vez. Hei-de voltar com uma foto da perna para verem o resultado final. Até ver, está bem diferente e bonitinho.

Ainda com dúvidas? É só perguntar nos comentários.

Amanhã sai a primeira receita do desafio. Aguardem...

assinatura

Poderá também gostar destes artigos

31 comentários:

  1. Vim só desejar-te uma boa e total recuperação.
    Bj

    ResponderEliminar
  2. Olá Anabela! Muito obrigada por partilhares. Boa recuperação! :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Olá boa tarde: Já sigo o blog a algum tempo, mas numca cometei nada, mas como o tema é varizes (eu sou rainha), já fui operada duas vezes, escleroses já perdi a conta, a verdade é que eu também tem a ver com a genética, agora ando novamente a fazer esclerose uma vez por mês, varizes numca mais tive desde que fui operada já a alguns anos, mas derrames, basta bater com as pernas e aparecem logo muitos, mas realmente se seguir-mos, todas as indicações a recuperação faz-se bem e é um luxo, olharmos depois para as nossas pernas .
    Desejo boas melhoras e boa recuperação.Beijinhos ah e gosto muito dos seus post.

    ResponderEliminar
  4. Boa noite ;)
    Por acaso apareceu.me uma mesmo por tras do joelhp direito e sinto é q por vezes fico com a perna mais cansada que a outra, mas é recente isto.
    Tenho seguro de saude e estava a pensar ir a uma consulta no especialista de cirurgia vascular, mas tenho vindo adiar porqur ainda nao tenho muitas dores mas sinto q as vezes esta mais saliente.
    Aconselha a ir o quanto antes ao medico? Ou sera cedo de mais?!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Obrigada pela explicação. Vou mesmo marcar consulta com a minha médica de familia. Espero que recupere 100%.

    Sandra / Funchal

    ResponderEliminar
  6. Deste clube das varizes eu ja faço parte :(
    É hereditário ,já a minha mãe o tem e a cirurgia dela não tarda a sair .Vai fazer 60 anos em Dezembro e uma peran está mesmo má .Neste momeneto faz as escleroses .
    Eu nunca fiz nenhuma cirurgia ,mas já fiz muitas escleroses .
    Meia de descanso e cama ligeiramente levantada ,pastilhas no verão para ajudar a circulação,enfim uma quantidade de coisas para evitar ir á faca.
    Engraçado que esses sintomas que descreves do suposto sedativo ,senti igual durante o parto depois da epidural.
    Obrigada pela partilha ,não sabia algumas das coisas que estavam aqui descritas.
    As melhoras
    bjs
    Lulu

    ResponderEliminar
  7. Olá. Como vai a sua recuperação?
    Eu fui operada na segunda feira passada. Foi um bocadinho diferente da sua. Levei anestesia geral. Tenho vários cortes nas pernas. Não faço idéia se levei pontos... Tenho meias elásticas até às virilhas - acordei da operação com elas calçadas. Não tenho dores. Não tomo qualquer medicamento. Vou à consulta na próxima segunda feira. Não tive qualquer problema com o "acordar" e nem com o levantar da cama. Vou ficar muitoooooo chateada se tiver de continuar a usar estas meias, que odeio - sinto-me o Robocop a andar... Estou curiosa para ver como estão as minhas pernas, também na parte estética. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lina, também eu fui operada na 2f passada 2/12 para retirar a safena :) Também foi com anestesia geral, embora não estivesse previsto inicialmente(vai-se lá saber porque resolveram mudar, eu até estava estranhamente tranquila :) )
      Acordei 45m depois de ter visto as horas pela ultima vez, num relógio enorme que tinha à minha frente enquanto me preparavam já no bloco. Tinha as pernas ligadas e fui levada para o quarto, sendo que só me deixaram levantar no dia seguinte, contudo, poucos minutos depois estava recuperadissima(no que respeita à anestesia claro) e só queria comerrrrrrr :P
      Durante a noite fizeram reforço de medicamentos, nomeadamente para as dores e anticoagulantes no soro, na manhã seguinte retiraram as ligaduras para colocar pensos e a meia elástica e foi quando vi os maravilhosos agrafos e nódoas negras. Agrafos contei uns 6/7 na virilha e mais umas 4 incisões com 2 cada na perna.(dizem que até foi pouco, eu tinha muitas dores antes mas as varizes não eram muito salientes e que não tem de estar necessáriamente associado)
      Volto na próxima segunda 9/12 para os tirar, supostamente e até lá foi-me aconselhado a andar de meia em meia hora 5m("usar a perna, não é à pato"), manter a medicação(agora em comprimidos), repouso e paciência.
      Ainda não tirei a meia mas já começa a ficar desconfortável, as dores são suportáveis mas parece que vão ficando piores em vez do contrário...e é aqui que preciso de testemunhos, o que é normal e o que devemos considerar sintomas de alerta?

      Boa recuperação...eu vou estado por aqui...daqui a 30m por ali, e volto logo :) :)

      Milene S.

      Eliminar
    2. Olá Lina. Antes de mais espero que tenha uma recuperação rápida. Já vi que a forma como fizeram a sua cirurgia foi bem diferente, a começar pelo facto de operarem as duas pernas. Há muitos médicos que recusam fazer isso. Uma perna de cada vez. Por aqui a recuperação está a ser fabulosa. Já fui á consulta pós-cirurgia e o médico também gostou muito do aspecto. Ando a colocar uma mistura de óleos nas cicatrizes para ficarem o mais disfarçadas possível. Hei-de partilhar no blog. A meia já não uso, aliás deixei de usar assim que tirei os pontos. Também as detesto! Quanto à parte estética, está maravilhoso, uma grande diferença. De tal forma que vou secar alguns derrames para ficar ainda melhor. Se conseguir disfarçar bem as cicatrizes, vai ficar mesmo muito bom, considerando o estado em que tinhas as pernas. Bjs e as melhoras

      Eliminar
    3. Olá Milene.

      Sintomas de alerta não sei o que lhe dizer mas esse aumento de dores também aconteceu comigo e a nódoas negras também vão aumentar. A médica explicou-me que tem a ver com o puxar da veia, que vai causando hematomas. E a perna além de dorida, também tinha algumas zonas muito duras. Foi passando com o tempo. Sempre que as dores eram demasiado chatas e difíceis de tolerar, tomava ben-U-ron. Era suficiente. De qualquer forma, se achar alguma coisa estranha, ligue para o hospital para saber se deve lá ir. Não fique na dúvida porque cada caso é um caso e por mais experiências que lhe contem, não somos médicos.
      Bjs e as melhoras.

      Eliminar
  8. Acabei de fazer a cirurgia, nas duas pernas, fiz dia 29/07 a 4 dias, estou de repouso nao absoluto por 15 dias, minhas pernas nao doem nada, mas estao com muitas marcas roxas, ainda estou com os micropores, retiro na proxima segunda, acredito que as marcas roxas sejam realmente normais e que sumam como o medico falou a partir da terceira semana, tenho fotos, se for o caso posso enviar, estou tirando fotos todos os dias antes de dormir, meu e-mail: llucia_mello@hotmail.com. Vamos a nossa recuperação :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá anónimo.

      Antes de mais desejo as rápidas melhoras. As pernas negras vão passar, fique descansada. Se visse as minhas pernas ao fim de 15 dias, morria, de tão negras que estavam. E se piorar um pouco, não se preocupe, é mesmo assim, depois desaparece tudo. Hoje não tenho nada e as cicatrizes quase que nem se vêem. É uma questão de paciência. Vai ser giro ver a evolução nessas fotos todas.

      Bjs e tudo de bom.

      Eliminar
    2. boa tarde,e possivel que alguem me diga,francamente,se vale a pena fazer este tipo de operação?obrigado

      Eliminar
  9. Bom dia, fui operada dia 20 às duas pernas!!! A minha recuperação não está fácil, os primeiros dias parecia correr bem, mas agora tenho uma das pernas muito vermelha e o médico de família já me receitou antibiotico, o que gostava de perguntar era se há alguém no fórum que tivesse tido estes sintomas? Não a fiz por estética foi mesmo por questões de saúde !! Quero também dizer que tenho 54 anos e diabetes embora por enquano controlados!!! Obrigada Joaquina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Joaquina. Antes de mais as suas melhoras rápidas. Estas cirurgias, embora pareçam simples, acarretam muitos riscos pós-operatórios, que obviamente agravam de acordo com a idade. Um deles são as tromboses. É preciso estar muito atenta a qualquer sinal de inflamação, dor ou inchaço e comunicar imediatamente ao médico. O facto de ter diabetes não ajuda. A minha mãe já teve assim mas recuperou.
      Espero que consigo aconteça o mesmo.

      Bjs

      Eliminar
  10. Anabela muito obrigada pela resposta, sim quando fui fazer o penço a enfermeira chamou a médica para ver a mnha perna e receitou me antibiotico, como ainda foi ontem vou esperar mais um pouco!!! Quanto à trombose esse é o meu medo pois já tive tromboflabite o ano passado e tenho antecedentes na família!!! Como pesquisei e encontrei este fórum, fiz a pergunta, foi uma maneira de me manifestar. 😊 obrigada

    ResponderEliminar
  11. Boa tarde,

    a minha medica de família encaminhou-me para cirurgia vascular no hospital pois estou com varizes do grau II. Estou com algum medo da operação. Não sei quais podem ser as implicações. Será que alguém me pode ajudar

    ResponderEliminar
  12. Olá Anabela! só a "conheci" agora, passado este tempo sobre a cirurgia. Espero que esteja bem e tenha recuperado totalmente.
    A minha questão tem que ver com o preço da operação e o tempo de espera. Pode dar-me alguma pista nesse sentido?
    Desejo a continuação de uma boa semana,
    Isabel Guimarães

    ResponderEliminar
  13. Bom dia, Anabela! só agora a "conheci" ... desejo que tenha recuperado totalmente!
    A minha questão prende-se com o preço da operação e o tempo de espera no público.
    Obrigada e que continue a ser uma boa semana, apesar desta chuva!

    ResponderEliminar
  14. Olá Anabela! só a "conheci" agora, passado este tempo sobre a cirurgia. Espero que esteja bem e tenha recuperado totalmente.
    A minha questão tem que ver com o preço da operação e o tempo de espera. Pode dar-me alguma pista nesse sentido?
    Desejo a continuação de uma boa semana,
    Isabel Guimarães

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria.

      Obrigada pelo comentário. Sim, já recuperei totalmente e as cicatrizes quase que nem se notam. Em relação às perguntas, não paguei nada pela cirurgia porque foi pelo sistema nacional de saúde (público) e confesso que já não me lembro do tempo que esperei mas não me parece que foi muito. É claro que isto varia de hospital para hospital. Espero que corra tudo bem para si.

      Bjs

      Eliminar
    2. Olá Anabela vim aqui parar a este seu artigo pq estava a fazeruma pesquisa sobre preços de cirurgias a varizes. Tenho varizes em ambas as pernas mas não tive muita sorte com o médico que me calhou no centro de saúde a quem apresentei os exames que fiz. Mandou-me para casa com uma pomada Trombocid e foi pq eu lhe pedi alguma coisa para me receitar. Tenho constantes dores e sensação de pernas cansadas para além de esteticamente não gostar de ver as minhas pernas. Não sei que o faça, estou desempregado, não tenho médico de família, só os de recurso e se volto lá e abordo o assunto de cirurgia, ele fará o pedido? Como foi consigo, o seu médico é quelhe recomendou a cirurgia ou foi a Anabela a pedir? Obg e desculpe pelo desabafo.

      Eliminar
    3. Olá José.

      Peço desculpa pela demora na resposta mas ultimamente tenho andado um pouco afastada do blog. Vamos ver se o consigo ajudar. Para começar, tinha (infelizmente já não tenho poque ela saiu do centro de saúde) uma médica de família excelente que já me tinha falado no assunto das pernas. Eu é que não tive coragem para avançar na altura. Mas depois, mais tarde, acabei por ter eu a iniciativa porque a coxa já estava mesmo muito feia (era a pior zona). Ela nem hesitou, referenciou imediatamente para o hospital e depois mais tarde recebi uma carta para iniciar todo o processo. Se fosse a si, insistia porque a médica só tem é de referenciar (de preferência sem reclamar) para que o José possa ser operado e ficar livre dessas queixas (eu não tinha). Não me cobraram nada e à minha mãe que já fez 3 também não. Diz ela que estas cirurgias não têm custos, pelo menos aqui na nossa zona. Espero ter ajudado. Mais questões, diga. Não precisa pedir desculpa pelo desabafo.

      Cumprimentos

      Eliminar
  15. boa tarde! eu ja fiz 3 operacoes...uma aos 23 anos! paguei bem no Porto na Trindade e fiquei mt bem! so que engravidei ai piorou mt porque tive mt retençao...fiz outra no Arrabida ,,,estavam ajudar os hospitais publicos....fiquei mt mal... com marcas vermelhas que nunca sairam? no ano seguinte fiz outra no Hospital de Espinho! o medico ficou espantado com o estado de minhas pernas! resumindo tiraram me as veias safenas,,, e digo nao adianta a operaçao? choro quando olho as ,,,sao enormes a volta de um joelho e na outra coxa! ja nao sei o que fazer mais! alguma coisa mais simples para tapa las...como uma espuma que falam'? ja ouvi dizer que mais tarde ficam aos papos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falo da experiência da minha mãe, que já fez inúmeras cirurgias. Chega-se a um ponto que já nem e aconselhável fazer mais nenhuma. Isto dito por uma médica 5* que viu a minha mãe recentemente. Há alturas em que as cirurgias fazem mais mal que bem. Tem de se aprender a viver com a doença e tentar alguns truques para se ter uma melhor qualidade de vida. No caso da minha mãe, fazer descanso de 15 minutos por cada 2h de pé (deitada e com pernas elevadas), caminhadas e mais de descanso o dia todo.
      Não sei o que quer dizer com papos. Veias saídas? A minha mãe tem imensas. Não há muito a fazer a não ser o que disse antes.

      Eliminar
  16. Olá.
    Eu fui operada no Sábado passado, no dia 21 em Espinho às 2 pernas com epidural pq estava com uma valente constipação e a médica não me queria meter a dormir... Devo frisar que durante a cirurgia ainda senti dor na perna, nem sei se anestesia estava a fazer efeito...
    Fui a única que tive imensas dores, o que também não percebi... Passados 7 dias continuo com dores nas virilhas e no joelho esquerdo. Tou " mortinha " por tirar os pontos e as meias que me apertam imenso.... Não faço ideia quantos pontos tenho, mas vejo as minhas pernas cheias de pensos com sangue e tb já vi alguns nódulos, o que me causa certa dor só de tocar ao de leve.
    Tenho medo de tirar os pontos mas ao mesmo tempo ansiosa. A minha consulta está marcada daqui a 1 mês.
    Espero que corra tudo bem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana.
      Confesso que o meu pós-operatório não foi assim tão difícil. Mas lá está, não somos todos iguais e, por isso, temos reacções diferentes.
      Só vai tirar os pontos daqui a um mês? Não faz mudança de pensos?
      Espero que melhore rapidamente e que a cirurgia tenha resultado.
      Bjs

      Eliminar
  17. Tirei os pontos após 10 dias de operação, foi um alívio mas ao mesmo tempo tive imensas dores. Os agrafes estavam muito para dentro.
    Já se passaram 2 semanas, sinto a perna direita a melhorar mas ainda tenho dores na perna esquerda e ainda me dói ao caminhar /conduzir.
    Confesso que já ouvi muita gente a comentar que numa ou 2 semanas estão boas, mas eu falo de como me sinto e realmente como o meu trabalho é de pé não me sinto em forma para regressar ao trabalho, de forma alguma.
    Tenho consulta no dia 24 de Fevereiro e aborrece me não ser a médica que operou a fazer a consulta .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que já está a melhorar, no entanto aconselho-a a falar sobre essas queixas à médica (nos hospitais públicos é mesmo assim, uma confusão total de médicos!) porque realmente é de estranhar tantas dores. Espero que recupere rápido e se não for pedir muito, dê feedback da consulta e do que a médica disse.
      Bjs e as rápidas melhoras.

      Eliminar
  18. Olá boa noite, eu estou à espera da cirurgia ás duas pernas, que já está marcada para o próximo dia 16 de Março no Hospital Polido Valente em Lisboa. Confesso que estou bastante apreensiva e receosa, principalmente por ter de ficar "parada" 2 ou 3 semanas, e como mãe de três filhos será bastante complicado !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paula.

      Antes de mais, espero que corra tudo bem. Depois pergunto quem é o/a médico/a. A minha mãe foi consultada recentemente nesse hospital e adorei a médica que a recebeu.

      E sim, calculo que seja complicado mas acredito que tudo correrá pelo melhor.

      Eliminar